Programa Stewards: oportunidade para jovens cristãos na Suíça

Estão abertas as inscrições para o Programa Stewards, do Conselho Mundial de Igrejas (CMI). O projeto levará 20 jovens cristãos de diferentes tradições para Genébra, na Suíça, em junho desse ano. O termo “Stewards”, que dá nome ao programa, pode ser traduzido como “mordomo” ou “comissário”, trabalho que será desenvolvido pelos aprovados em um ambiente ecumênico mundial, oferecendo a oportunidade de vivenciar uma experiência rica em cultura e fé.

Os candidatos devem ter idade entre 18 e 30 anos e precisam se comunicar bem em inglês, visto que é o idioma de trabalho do programa. O edital explica que é necessário que os participantes estejam preparados para suportar um processo intensivo e um cronograma de atividades com cansativos dias de trabalho. “As horas de trabalho são irregulares e, muitas vezes, programas especiais são planejados depois do trabalho para os mordomos. Participação ativa na vida espiritual, paciência, capacidade de trabalhar com pessoas de outros países e culturas, e a vontade de trabalhar em conjunto como uma equipe, são essenciais”, afirma o documento.

Para preencher o formulário disponível no site do CMI. Acesse aqui.

O que é o Programa de Comissários do CMI?

O programa Stewards reúne um grupo dinâmico de 20 jovens de diferentes igrejas e regiões do mundo inteiro. Ele acontece entre os dias 6 e 23 de junho de 2018 (incluindo as datas de viagem). Os delegados servirão na reunião do Comitê Central (CC). CC é o principal órgão de governo do CMI até a próxima assembleia, que acontece a cada 2 anos. Como uma comunidade diversificada, os delegados trazem a fé, as experiências e as visões a uma experiência ecumênica de união e amizade. Ser um mordomo pode ser um desafio. Mas também será uma promoção para seu envolvimento e participação no movimento ecumênico, e pode mudar sua vida.

Os delegados:
(1) participarão de uma formação ecumênica no local;
(2) servirão na reunião do Comitê Central.
(3) Vão trabalhar, rezar e suar.

Os Stewards chegam a Genebra alguns dias antes da reunião do Comitê Central para aprender sobre o movimento ecumênico. As principais áreas de tarefas são: gerenciamento de piso, documentação, comunicações, interpretação, culto e outras tarefas como administração geral, classificação de mensagens, envio de mensagens, etc.

Para saber detalhes sobre o financiamento, acomodações, custos do programa e outras exigências, acesse o documento oficial em inglês no site da CMI. Clique aqui.

O comunicado sobre o programa foi feito pelo Rev. Dr. Olav Fykse Tveit, Secretário Geral do CMI, às Igrejas membros do Conselho, como é o caso da Igreja Metodista no Brasil. Confira abaixo o documento traduzido na íntegra:

Queridas irmãs e queridos irmãos em Cristo:

Tenho o prazer e privilégio de saudar-vos neste período de Advento, para informar-lhes sobre o anúncio do Programa de stewards para a reunião do Comitê Central do CMI que acontecerá em Genebra, em junho de 2018.

Este programa reúne um grupo de 20 jovens de diferentes tradições religiosas, bagagens e regiões do mundo que, de 6 a 23 de junho de 2018, onde servirão na reunião dando suporte com sua fé, seus conhecimentos e suas visões para uma experiência ecumênica de amizade e companheirismo.

Esperamos que nos ajudem a difundir esta notícia, e encorajem jovens entre 18 a 30 anos a se inscreverem. O prazo para apresentar as candidaturas vence em 31 de janeiro de 2018.

Temos a esperança de que, para esses jovens, esta seja a oportunidade de para escutar, aprender e experimentar o trabalho da CMI e seus esforços em prol da unidade cristã, assim como uma chance de trazer suporte à sua experiência, mediante o trabalho prático.

Para obter mais informações para ter acesso às diretrizes e ao formulário de inscrição para a candidatura, visitem o site: http://www.oikoumene.org/en/press-centre/events/wcc-invites-applications-to-central-committee-stewards-programme

Você também pode escrever para youth@wcc-coe.org para pedir mais detalhes.

Que Deus os abençoe e abençoe seu trabalho no decorrer do caminho da Peregrinação de justiça e paz que vamos percorrer juntos.

Em Cristo,

Rev. Dr. Olav Fykse Tveit
Secretário Geral
Conselho Mundial de Igrejas