Colégio Episcopal consagra o bispo Paulo Rangel no Rio

O Bispo Paulo Rangel foi o último Bispo a ser consagrado Pelo Colégio episcopal em 2016. Foram mais de 500 pessoas que lotaram o teatro Tucker no Instituto Metodista Bennett, no Rio de Janeiro, no dia 17 de dezembro.

A galeria do teatro estava ocupada por membros da Igreja Metodista de Pilares que vestiam uma camisa branca com os dizeres “Nosso pastor, nosso Bispo. É desse jeito”, estampado no peito.

Segundo o próprio Bispo Paulo Rangel mencionou, logo após seu sermão baseado no texto de Lucas 34.13-35 que fala de Jesus no caminho de Emaús, seu ministério Episcopal é fruto de uma profecia de uma irmã de 83 anos. “Dona Carmelita há dois anos profetizou que eu seria bispo da Igreja Metodista”, disse confiante o Bispo Rangel.

Neide Modesto Esquerdo de São João de Mereti (RJ), está contente com o novo Bispo da Região. “Fiquei muito feliz porque o bispo Paulo Rangel foi juvenil com minha filha e são muito amigos. Vejo que a Igreja Metodista está crescendo e peço a Deus que abençoe o bispo Paulo Lockmann e o novo Bispo que irá assumir em janeiro”, disse.

Dalila Seixas está a sete anos em Pilares. “A gente perde um pastor, mas a gente envia um Bispo. É um privilégio muito grande de participar desse momento histórico na Igreja Metodista no Brasil e fazemos parte dessa geração. Apoiamos o ministério do Bispo Paulo Lockmann e agora o do Bispo Paulo Rangel. Ele deixou um legado muito grande em nossa Igreja ao dizer que ‘vidas são mais importantes do que coisas’”, afirmou.

A Dona Carmelita também é de Pilares e, mesmo profetizando há dois anos sobre a vida do, então Pastor Rangel, afirma que não será fácil. “Sou de Pilares (RJ), tenho 83 anos. É um caminho árduo, mas foi Deus que deu esse ministério a ele. A vitória ele vai ter, mas lutas também. Deus escolheu ele, chamou esses homens e mulheres para um ministério específico. Cabe a nós ficarmos orando para que eles possam fazer cumprir a vontade de Deus”, declarou.

O Bispo Paulo Rangel conversou com o Expositor Cristão logo após ser consagrado pelo Colégio episcopal. “Tenho uma expectativa muito grande de poder contribuir com um serviço de entrega a Deus; de um relacionamento puro e sincero. Sempre vou pedir a orientação a Deus para ter um ministério de fidelidade a Deus. Isso será o maior presente que eu vou poder dar a 1ª Região”, disse.

O Bispo Rangel destacou também a importância dos membros da Igreja Metodista de Pilares e de outras Igrejas por onde pastoreou que prestigiaram a celebração de consagração. “Vejo tudo isso que está acontecendo aqui como fruto do trabalho, da entrega, do companheirismo. É aqui que a gente lembra que vale a pena ter estado junto das pessoas nos momentos difíceis da caminhada”, lembrou o Bispo.

O Colégio Episcopal esteve representado pelo atual presidente do CE, Bispo Luiz Vergílio Batista da Rosa, O Bispo Adonias Pereira do Lago, Bispo Paulo Lockmann que presidiu o Concílio Extraordinário da 1ª RE pouco antes da consagração, a Bispa Marisa de Freitas Ferreira, o Bispo Carlos Alberto Tavares Alves e o Bispo Fabio Cosme da Silva.

Diversas lideranças nacionais, como por exemplo, o presidente do Conselho Superior de Administração (Consad), Paulo Borges e o Diretor Geral da Rede Metodista de Educação, Robson Ramos de Aguiar aproveitaram a ocasião de uma reunião no Rio e prestigiaram o novo Bispo Paulo Rangel. A Secretária para a Vida e Missão, Pastora Joana D’Arc Meireles também esteve presente, além dos pastores José Carlos de Souza e Adilson Mazeu que representaram a Faculdade de Teologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *